Volte Sempre !!! Duvidas deixe seu comentario downloadnanetcs.blogspot.com Johnathan de Souza®: Janeiro 2012

sábado, 28 de janeiro de 2012

C.H. Spurgeon - Avalie o Preço

"Será que um homem que ama o seu Senhor estaria disposto a ver Jesus vestindo uma coroa de espinhos, enquanto ele mesmo almeja uma coroa de louros? Haveria Jesus de ascender ao trono por meio da cruz, enquanto nós esperamos ser conduzidos para lá nos ombros das multidões, em meio a aplausos? Não seja tão fútil em sua imaginação. Avalie o preço e, se você não estiver disposto a carregar a cruz de Cristo, volte à sua fazenda ou ao seu negócio e tire deles o máximo que puder, mas permita-me sussurrar em seus ouvidos: “Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?"

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

R.C. Sproul - A Síndrome Da Porta De Vai-E-Vem

"Um efeito da mentalidade consumista das igrejas é o que tem sido chamado de "a síndrome da porta de vai-e-vem". As igrejas estão repletas de pessoas buscando sentido para a vida, alívio para suas ansiedades e preocupações. Assim, elas escolhem igrejas como escolhem refrigerantes. Tão logo a igreja que freqüentam deixa de satisfazer as suas necessidades, elas saem pela porta tão facilmente quanto entraram. As pessoas buscam igrejas onde se sintam confortáveis, e se esquecem de que precisam na verdade de uma igreja que as faça crescer em Cristo e no amor para com os outros."

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

A.W. Tozer - Um Cristão Verdadeiro é Uma Pessoa Estranha

"Um cristão verdadeiro é uma pessoa estranha em todos os sentidos. Ele sente um amor supremo por alguém que ele nunca viu; conversa familiarmente todos os dias com alguém que não pode ver; espera ir para o céu pelos méritos de outro; esvazia-se para que possa estar cheio; admite estar errado para que possa ser declarado certo; desce para que possa ir para o alto; é mais forte quando ele é mais fraco; é mais rico quando é mais pobre; mais feliz quando se sente o pior. Ele morre para que possa viver; renuncia para que possa ter; doa para que possa manter; vê o invisível, ouve o inaudível e conhece o que excede todo o entendimento".

John Piper - Adoração é Arte?

Um resultado que tenho observado repetidamente, quando o enfoque do culto em comunidade passa a ser o que temos a oferecer para Deus, é uma ênfase sutil não sobre Deus, mas sobre a qualidade do que oferecemos. Estamos cantando de maneira digna do Senhor? Os músicos estão tocando à altura do dom que Deus lhes deu? A pregação é uma oferta adequada ao Senhor? Pouco a pouco, deixamos de nos concentrar no caráter absolutamente indispensável do Senhor em si e passamos a olhar para a qualidade daquilo que estamos fazendo. Passamos até a definir a excelência e o poder no culto em termos da superioridade técnica das nossas apresentações artísticas. A melhor maneira de manter Deus no centro do culto é ter a convicção bíblica de que a essência da adoração é uma satisfação profunda e sincera no Senhor e a certeza de que a busca dessa satisfação com temor e tremor é o motivo de estarmos reunidos.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

John Stott - Fé e Razão


"É surpreendente o número de pessoas que supõem que fé e razão são incompatíveis. Mas estas jamais foram postas em oposição uma à outra nas Escrituras. Fé e visão são contrastadas (2Co 5.7)*, mas não fé e razão. Pois fé, de acordo com as Escrituras, não é nem credulidade, nem superstição, nem "uma crença ilógica na ocorrência do improvável", mas uma confiança calma e refletida em Deus que, conforme se sabe, é confiável."



 "Porque andamos por fé, e não por vista"   2Coríntios 5:7

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

C.H. Spurgeon - O homem Que Vive Sem Oração Vive Sem Deus


" Preciosas aos olhos do Senhor são as lágrimas da penitência e os suspiros dos corações contritos. Não podemos nunca nos satisfazer com os resultados do nosso ministério a menos que a fé guie os homens ao arrependimento de coração diante de Deus, e intensa aversão aos seus pecados e abandono verdadeiro deles. Se converter a Deus significa que a partir de agora Deus deve ser solicitado em oração. “Eis que ele ora” é uma das indicações de um verdadeiro convertido. O homem que vive sem oração vive sem Deus, mas o homem que se converteu a Deus é familiarizado com o Trono da Misericórdia. Que conversão é quando os olhos se voltam para cima para buscar o Senhor – com os olhares solenes quando ninguém, a não ser Deus, está perto. Se converter a Deus significa se entregar obedientemente ao Seu domínio, desejar fazer o que Ele manda, pensar o que Ele ensina, e ser o que "

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Leonard Ravenhill - Por Que Você Espera Ser Aceito?


"Ele ficou um pouco mais velho e não havia espaço na sua família. Sua família não creu nEle. Ele foi ao templo. Não havia nenhuma sala no templo. O templo ficou contra ele. E quando Ele morreu não havia espaço para enterrá-lo. Ele morreu fora da cidade. Pois bem por que, em Nome de Deus, você espera de ser aceito em toda parte? Como é que o mundo não pôde suportar o Homem mais santo que já viveu e pode suportar a você e eu? Será que estamos comprometidos? Será que estamos comprometidos? Será que não temos estatura espiritual? Será que nossa retidão não reflete sobre a corrupção deles?"

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

J. I. Packer - Reconhecendo Nossa Própria Pequenez

“Só depois que nos tornamos humildes e ensináveis, boquiabertos com a santidade e a soberania de Deus... reconhecendo nossa própria pequenez, desconfiando de nossos pensamentos e dispondo-nos a permitir que nossa mente seja completamente transformada, é que a sabedoria divina se torna nossa”.

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Leonard Ravenhill - As Pessoas Que Não Oram

"Nenhum homem é maior do que sua vida de oração. O pastor que não está orando está brincando, as pessoas que não estão orando estão desviando. O púlpito pode ser uma vitrine para mostrar os talentos de uma pessoa; já o quarto de oração não permite nenhum exibicionismo.”